Livros para ler e esquecer que está calor lá fora

13 jan

lendo no calor

Quisera eu que ler com as temperaturas atuais fosse tão divo quanto na foto acima. Geralmente sou eu na frente do ventilador, tentando me equilibrar para que a luz não me deixe com calor demais e o ventilador não faça as páginas voarem.

Pior só quando o livro que estou lendo se passa em algum lugar quente (caí no sono enquanto lia ‘’O Amor nos Tempos do Cólera’’ e acabei sonhando que tinha uma casa no Caribe, o engraçado é que o Caribe dos meus sonhos era bem mais fresco do que o Brasil da minha realidade ), com várias descrições dos personagens suando, se abanando e, assim como todo ser humano, reclamando do calor.

 Já pensou que loucura seria ler ‘’A Divina Comédia’’, na parte do ‘’Inferno’’ ou ‘’Gabriela, Cravo e Canela’’ com Ilhéus toda se derretendo –sem trocadilhos- para você aproveitar enquanto tenta não se desidratar ou então a Toscana de Frances Mayes (a resenha de ‘’Sob o Sol da Toscana’’ está inteirinha escrita na minha cabeça, vocês devem ler ela logo, logo no blog!) com a culinária pesada e as chuvas torrenciais de fim de tarde? São todos livros maravilhosos, que você normalmente aproveitaria, mas que só de pensar em ler quando está tão quente lá fora já faz o suor escorrer nas suas costas.

Por isso, como sou legal decidi selecionar 4 livros que vão fazer você congelar, sem nem ao menos ter que sair de perto do ventilador. Afinal de contas, se o frio é psicológico, porque o calor também não pode ser?

Jardim de Inverno – Kristin Hannah

Jardim de Inverno curvas.indd

Jardim de Inverno foi uma das melhores leituras que fiz ano passado. Tocante e surpreendente é a história de uma russa, que tem um relacionamento complicado com as filhas e cujo marido tenta fazer de tudo para que ela se sinta em casa, isso inclui morar em uma região fria dos EUA, com direito a nevascas e àquele frio cortante, que parece rasgar cada pedacinho da sua pele que não está coberta (geralmente são só seus olhos, já pensou como deve ser esquisita a sensação de ter seus olhos cortados?!).

A história também tem cenas no Alaska e na Rússia na época das grandes guerras, com direito até a contos de fadas contados como uma alusão à vida real, com direito a ‘’Princesas do Gelo’’ e tudo mais.

Com esse livros seu coração vai se quebrar em um milhão de pedacinhos e você vai chorar copiosamente, mas calor vai ser a última coisa que você vai sentir.

Ponto de Impacto – Dan Brown

Ponto de Impacto

Faz um tempo que li ‘’Ponto de Impacto’’, mas lembro que o considerava meu favorito do Dan Brown (depois de 9 meses eu ainda não sei se amo ou odeio ‘’Inferno’’, acho que só relendo ambos os livros para saber. Talvez no futuro.)

Conta a história de um meteorito que cai no Polo Norte (arrá, já se sentiu um picolé só de ler essas duas palavras juntas, né?) e de Rachel Sexton, que trabalha no escritório de verificações da presidência e cuja função é ir e verificar se o meteorito é mesmo um meteorito.

Cheio de reviravoltas – como sempre, né?- e com direito a nevascas, a roupas de proteção extra contra o frio e a gente caindo direto na parte congelada do oceano pacífico, esse livro vai deixar com frio, mas, do jeito que a história se desenrola, capaz até de te esquentar.

Um Mundo Brilhante – T. Greenwood

Um-Mundo-Brilhante

‘’Um Mundo Brilhante’’ se passa em uma cidadezinha pacata dos EUA –acredito que é Flagstaff- e conta a história de um professor universitário que decide investigar o assassinato de um indígena por conta própria.

O título faz referencia a todo aquele brilho que a neve reflete quando o sol bate nela, se o mundo todo é brilhante então você meio que pensa que nevou para caramba, não é?

De todos esses é o mais razoável já que, até onde eu me lembro, nem todas as cenas são em lugares frios.

CSI: Morte no Gelo – Max Allan Collins

csimortenoice

Uma das últimas resenhas daqui do blog, é um episódio de CSI só que escrito.

São dois casos, um de uma mulher morta encontrada congelada no deserto de Las Vegas (só que de noite e sabemos que nesse horário o deserto é congelante) e de um homem encontrado queimado e enterrado na neve em um hotel no interior de Nova York.

Não tem como sentir calor lendo ele e é um daqueles suspenses deliciosos. Vale a pena.

Espero que tenham gostado das minhas sugestões, conseguem se lembrar de mais algum livro que os deixou com frio?

Beeijos, A Garota do Casaco Roxo

PS: Sei que o blog ficou parado por um tempo, aquele meu problema pessoal evoluiu de uma forma, que eu precisei parar para voltar a deixar minha vida e meus pensamentos em ordem. Espero que me compreendam. Desejo um ótimo 2014 para todo mundo e garanto que o blog volta com força total. Obrigada por não me abandonarem.

4 Respostas to “Livros para ler e esquecer que está calor lá fora”

  1. Ana Carolina Nonato (@anniefarokh) 2014/01/13 às 3:18 pm #

    Olá!

    haha, adorei sua relação de livros! Já li Um Mundo Brilhante e Ponto de Impacto (este último é meu favorito do Dan Brown), são realmente excelentes!
    Como uma amiga minha disse:: será que não existe um jeito pra ler dentro da piscina? xD Ô calor infernal! 😛

    Grande abraço!

    • Amanda Ariela 2014/01/14 às 3:19 pm #

      Nossa, ler dentro da piscina ia ser o ideal… Se eu tivesse uma piscina! Jahahah

      Beijos e obrigada por comentar!

  2. Tainá Cajazeira (@taaie) 2014/01/14 às 3:05 pm #

    Aêê voltou!!!! espero que esteja tudo em ordem agora e Feliz 2014!

    Realmente tá um calor infernal, principalmente aqui na Bahia. Adorei a sua idéia controversa hahaha, realmente faz muito sentido. Desses livros só li Um Mundo Brilhante, e foi bem nessa época do ano (só que no ano passado), eu gostei bastante só fiquei com um pouco de raiva do Ben por não enfrentar a esposa. Tenho altos preconceitos com Dan Brown, não consigo/nãosinto vontade de ler nada dele =/ hauhdeuhae

    Acho que não li nenhum livro que tenha me deixado com frio, tenho que variar um pouco as paisagens!

    Beijos

    • Amanda Ariela 2014/01/14 às 3:19 pm #

      Ahahahha Voltay! Feliz 2014 pra você também!

      Eu não amei O mundo Brilhante também, o Ben me irritou muito. Dan Brown é controverso mesmo, ou o amam, ou o odeiam! Hahah

      Leia esses sim que eu garanto que você vai sentir menos calor, ainda mais daí da Bahia! Hahaha

      Beeeijos e obrigada por comentar!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: