O Mundo Pelos Olhos de Bob – James Bowen

CapaMundoPelosOlhosDeBobNome: O Mundo Pelos Olhos de Bob

Autor: James Bowen

Editora: Novo Conceito

Páginas: 220

Preço: R$ 24, 90

Você já leu aqui a história de ‘’Um Gato de Rua Chamado Bob’’ e agora acompanha a resenha da continuação da vida de James Bowen e de seu gato Bob no livro ‘’O Mundo pelos Olhos de Bob’’.

‘’O Mundo pelos Olhos de Bob’’ conta algumas dificuldades que James Bowen teve um pouco antes e depois de seu livro virar um bestseller mundial. Passando por uma doença grave até problemas com outros vendedores da Big Issue- uma revista Londrina feita para ser vendida por pessoas carentes e de baixa renda-, com ênfase em como Bob o ajudou a superar as drogas. O livro é fofinho e mais do mesmo.

‘’Não havia realmente me ocorrido, mas, quando o coloquei no chão, dei-me conta de que era a primeira vez que Bob estava andando na neve, pelo menos comigo. Fiquei lá observando-o tocar de leve uma pata na brancura, depois recuar e admirar a pegada que deixara na superfície virgem. Por um momento, imaginei como devia ser enxergar o mundo através dos olhos dele: devia ser estranho ver que tudo de repente ficou branco.

p.111’’

Confesso que, quando li o título pela primeira vez, acreditei que -diferente do primeiro livro- essa seria a história de James e Bob pelo ponto de vista do gato –seria interessante ver isso já que, por vezes, James imagina o que Bob está pensando- , mas eu estava enganada e ‘’O Mundo pelos Olhos de Bob’’ conta mais algumas aventuras da dupla e o que realmente levou eles a escreverem um livro e disseminarem sua história pelo mundo.

E, confesso que isso me incomodou um pouco. Esperava algo diferente porque, em minha opinião, o primeiro livro já tinha dado conta da parte mais importante da história, já era o suficiente e esse poderia sim ter inovado e feito coisas diferentes, então eu criei expectativas e me decepcionei um pouco.

Embora tenha me mantido entretida e seja uma história legal, por vezes a narrativa me cansou e parecia que eu estava lendo o primeiro livro de novo, sabe?

Mesmo assim, acho que os amantes do Bob irão amar poder dar mais uma olhadinha na história de um dos gatos mais fofos do mundo. Recomendo para aqueles que amaram o primeiro livro –não é necessário ter lido ‘’Um Gato de Rua Chamado Bob’’ para poder ler ‘’O Mundo pelos Olhos de Bob’’- e para aqueles que gostam de histórias de superação e mudanças radicais de vida. Outro ponto positivo é que a história do Bob é uma das poucas histórias de animais em que ele não morre no final, então você não precisa nem se preocupar em chorar horrores.

Beeijos, A Garota do Casaco Roxo

Um Gato de Rua Chamado Bob – James Bowen

Um Gato de rua chamado Bob.inddNome: Um Gato de Rua Chamado Bob – A História da Amizade de um Homem e seu Gato

Autor: James Bowen

Editora: Novo Conceito

Páginas: 240

Preço: R$ 19, 90

Quem me segue no twitter viu que eu estava pedindo indicações de livros leves e divertidos. Tinha acabado de ler ‘’Rota 66’’ do Caco Barcellos para a faculdade e precisava de alguma coisa mais leve para me distrair.

Quando ‘’Um Gato de Rua Chamado Bob’’ chegou em casa, deixei de lado o livro que havia escolhido (There’s No Place Like Here da Cecelia Ahern, que logo aparece aqui no blog) e parti para a leitura.

‘’Londres sempre teve uma grande população de gatos de rua, os quais vagam por aí vivendo de restos de comida e do conforto de estranhos. Quinhentos ou seiscentos anos atrás, lugares como a Rua Gresham, no bairro financeiro, Clerkenwell Grenn e Alameda Drury costumavam ser conhecidos como ‘’ruas de gato’’ e eram tomados por eles. Aqueles vira-latas eram os destroços e os refugos da cidade, andando a esmo e lutando pela sobrevivência a cada dia. Muitos deles eram como aquele laranjinha: criaturas espancadas e quebradas.

Talvez ele tivesse visto em mim uma alma semelhante.

p.19’’

Em 240 páginas acompanhamos a historia de um viciado em recuperação, James Bowen, e sua luta pela sobrevivência e para ficar limpo. Com a ajuda do governo ele consegue um apartamento pequeno e começa a tocar nas ruas de Londres para conseguir dinheiro.

bob4

Mais no inicio do livro percebemos que o autor escreve com um tom de revolta. Ele se sente invisível na sociedade e ignorado pelas pessoas que passam e que acreditam que ele seja só mais um pedinte. Se aqui no Brasil isso acontece muito, imagina na Inglaterra, um país onde as pessoas são conhecidas pela frieza?

‘’Os gatos são notoriamente exigentes a respeito de quem eles gostam. Se um gato não gosta do dono, ele sai e encontra outro. Gatos fazem isso o tempo todo. Eles vão embora e passam a viver com outra família. Ver-me com um gato suavizou-me aos olhos das pessoas. Ele me humanizou. Especialmente depois de eu ter sido tão desumanizado. De certa forma, ele estava devolvendo a minha identidade. Eu tinha sido uma não pessoa; e estava me tornando uma pessoa novamente.

p.84’’

A vida de James começa a mudar quando ele encontra um gatinho dentro de seu prédio. Ele decide adotá-lo e chamá-lo de Bob, o gato passa a ser um motivo extra para ele lutar contra o vicio, sobreviver e tentar ser feliz.

bob3

Quando Bob decide seguir James até seu trabalho e ficar com ele nas ruas, a vida do ex-viciado começa a mudar. As pessoas começaram a parar para falar com ele sobre o gato e, até mesmo, para ouvir sua musica. Ele começou a ganhar mais dinheiro e a se apegar cada vez mais ao gato, que chegou a ficar famoso na internet.

Não é exagero quando James diz que Bob mudou sua vida.

‘’Era um imenso prazer ter tão boa companhia, tão grande companheiro. Mas, de alguma forma, senti como se houvesse recebido uma oportunidade para voltar aos trilhos.

p.83’’

Os dois se tornam imbatíveis e criam uma amizade profunda. É o desenrolar dessa relação e a recuperação de James que acompanhamos na historia de ‘’Um Gato de Rua Chamado Bob’’.

A história é encantadora, não tem como não criar simpatia pelo musico, seu gatinho e sua luta contra as drogas. Algumas vezes a narrativa se tornava um pouco pesada com as partes em que ele retratava o vicio, mas nada que durasse muito.

bob1

É um livro de não-ficção e apesar de não ter muito estudo, James Bowen conseguiu levar a trama muito bem. Engana-se quem pensa que esse livro é mais um ‘’Marley e Eu’’, a narrativa me deixou assustada algumas vezes, mas nada que chegasse a ponto de me desesperar e fazer chorar copiosamente.  Para nossa alegria o livro não acaba com a morte de Bob, então se você é como eu (não muito fã de livros que fazem chorar) garanto que ‘’Um Gato de Rua Chamado Bob’’ vai te agradar.

Recomendo para todos aqueles que gostam de gatos e que sabem que bichinhos podem sim ser nossos melhores amigos.

bob2

Dei uma pesquisada e o Daily Mail noticiou em Novembro do ano passado que as chances de ‘’Um Gato de Rua Chamado Bob’’ virarem filme são grandes. O livro foi produzido pela produtora britânica de ‘’Marley e Eu’’ e eles planejam também uma versão da historia para crianças e uma continuação.

Beijoos, A Garota do Casaco Roxo

P.S: Se você gostou de ‘’Um Gato de Rua Chamado Bob’’ e quer algo no mesmo estilo, sugiro que leiam ‘’Dewey – Um Gato entre Livros’’ que conta a historia de uma biblioteca cujo morador mais ilustre não era um livro raro, mas sim um gato. O livro é bem interessante e não tem como não se apaixonar por ele, só que diferente da historia de James Bowen esse aqui é triste, bem triste.

bob5